Salada

Dicas para uma alimentação adequada

Alimentar-se bem vai muito além do tipo de alimento que se escolhe para compor a dieta. Alimentar-se bem tem a ver também com intervalos corretos entre as refeições, com a forma como realizamos cada refeição e, é claro, com uma dieta rica em alimentos saudáveis e que contemplem nossa necessidade diária.

Para ter uma alimentação correta, é necessário estar atento às três refeições principais: o café da manhã, almoço e jantar.

Café da manhã: essa refeição é extremamente importante porque é a primeira do dia. Ela ocorre após um grande período de jejum, uma vez que uma pessoa dorme, em média, oito horas a cada noite. Portanto, é fundamental que seja realizada antes de qualquer outra atividade. Caso uma pessoa resolva trabalhar, ir à escola ou praticar um exercício logo após acordar sem fazer essa refeição, pode haver uma queda de pressão e até desmaios.

Almoço: normalmente é a refeição em que conseguimos a maior quantidade de nutrientes e calorias que precisamos, haja vista que é nesse momento que ingerimos, por exemplo, carnes, que são fontes de proteínas, vegetais, que são ricos em vitaminas e fibras, e arroz, uma grande fonte de carboidratos. Além de garantir nutrientes, o almoço fornece energia para completarmos o restante das nossas atividades diárias.

Jantar: normalmente é uma refeição mais leve que o almoço, entretanto, é essencial para repor nossas energias. É importante não exagerar no jantar, pois a digestão é dificultada quando dormimos.

DICA IMPORTANTE:

Entre as grandes refeições, é importante realizar sempre pequenos lanches, como frutas e barrinhas de cereal.
Esses lanches são essenciais para manter o corpo ativo e impedir que nos alimentemos exageradamente nas grandes refeições.

Assim, faça pelo menos três refeições e dois lanches saudáveis por dia.

Importância dos alimentos na saúde

Todos nós sabemos que uma alimentação adequada é a chave para uma vida saudável. Uma alimentação correta é aquela que possui todos os nutrientes necessários para o organismo e na quantidade apropriada. Sendo assim, comer em grande quantidade não é sinônimo de ter uma alimentação saudável.

→ Qual é a função dos alimentos?

Os alimentos são utilizados pelo nosso organismo para realizar o metabolismo, ajudar na manutenção e crescimento dos tecidos, além de fornecer energia. Vale destacar, no entanto, que as funções desempenhadas por um dado alimento dependem dos nutrientes que ele possui.

Para aproveitar os alimentos, nosso corpo conta com o sistema digestório, que é responsável por quebrá-los em porções menores para serem aproveitadas pelo organismo. A porção do alimento que é aproveitada pelo corpo é denominada de nutriente.

→ Quais são os nutrientes existentes?

Os alimentos possuem diferentes nutrientes, que são geralmente classificados em macronutrientes e micronutrientes. Os macronutrientes são aqueles que o nosso corpo necessita em grande quantidade, enquanto os micronutrientes são aqueles que o organismo precisa em pouca quantidade.

Os macronutrientes são:

  • Carboidratos: nutrientes que se destacam por fornecer energia para o corpo;
  • Lipídios: nutrientes que servem de reserva de energia, ajudam a absorver algumas vitaminas, além de proteger contra choques mecânicos e o frio;
  • Proteínas: nutrientes fundamentais para o crescimento e manutenção dos tecidos do corpo.

Os micronutrientes são:

  • Vitaminas: nutrientes relacionados com as mais diversas funções do organismo, como fortalecimento do sistema imunológico, manutenção de tecidos e a realização dos processos metabólicos.
  • Sais minerais: nutrientes que atuam nas mais variadas funções do organismo, como a constituição de ossos e dentes, regulação de líquidos corporais e composição de hormônios.

→ Importância dos alimentos e dos nutrientes para a saúde

Os alimentos possuem nutrientes que favorecem o funcionamento correto do organismo. Diante da falta de alguns nutrientes, o corpo pode sofrer graves consequências em virtude da interrupção de alguma atividade básica. É por isso que uma alimentação saudável deve conter todos os nutrientes necessários para que a nossa saúde esteja garantida.

desnutrição ocorre quando uma pessoa apresenta a deficiência de algum nutriente. Ela pode ser desencadeada por uma alimentação insuficiente ou por outros problemas, como verminoses, anorexia, câncer, problemas de absorção, alergia ou intolerância alimentar.

A desnutrição pode levar a problemas fisiológicos, que, em casos graves, podem desencadear a morte do paciente. Normalmente a desnutrição é diagnosticada em razão da falta de energia para realizar tarefas, anemia, problemas de crescimento, mudanças na pele, entre outros sinais e sintomas.

Para evidenciar a necessidade de uma alimentação saudável, podemos citar alguns problemas causados pela falta de vitaminas no corpo. A falta de vitamina A, por exemplo, desencadeia problemas na visão, como a cegueira noturna, em que pacientes não conseguem enxergar em ambientes pouco iluminados. Já a falta de vitamina D pode levar ao não desenvolvimento dos ossos.

Para ter um organismo saudável, é importante ter uma alimentação saudável, com diferentes grupos de alimentos e em quantidade adequada. Para auxiliar na quantidade de alimento que deve ser ingerida, pode-se utilizar como base as informações contidas na pirâmide alimentar, um recurso que ajuda a população a entender as necessidades diárias de cada nutriente.

Fonte: Info Escola