Benefícios dos Sucos de Fruta

A hidratação a base de sucos frescos de frutas e hortaliças oferece ao nosso corpo grande parte das vitaminas, sais minerais, aminoácidos e enzimas necessárias. Além disso, os líquidos sempre são bem-vindos ao nosso organismo.

O suco ajuda nosso corpo a assimilar os valiosos nutrientes encontrados nos alimentos. Encontradas nos vegetais, frutas e hortaliças, estão as enzimas: catalisadores orgânicos que aumentam a taxa de absorção dos alimentos pelo corpo. Entretanto, essas enzimas são destruídas com o cozimento dos alimentos. É por isso que uma parte da sua dieta deve ser constituída de produtos frescos e crus. A digestão rápida e fácil desses alimentos, possibilitada pelas enzimas, vai lhe dar mais energia e saúde.

Fruta, verdura ou legume, independentemente da receita da bebida, a água é presença constante. O líquido é essencial para manter as funções vitais do organismo, pois participa de todos os processos metabólicos.

Ao introduzir sucos naturais em sua dieta diária, você perceberá melhoras em sua saúde. Entre os benefícios, o suco de fruta:

  • Melhora o desempenho físico e cardiovascular.
  • Diminui a pressão arterial.
  • Proporciona um sono com mais qualidade, mais energia e menos estresse.
  • Controla a temperatura corporal.
  • Transporta as fibras que estimulam o trabalho do intestino.
  • Auxilia no funcionamento dos rins e favorece a digestão.
  • Favorece uma pele mais bonita e viçosa, pois os líquidos ajudam a varrer as toxinas que se acumulam no organismo.
  • Melhora o sistema imunológico.
  • suco de laranja, aumenta a quantidade de substâncias benéficas diversas no organismo, fazendo com que ajude na proteção de doenças vasculares.
  • suco de abacaxi é uma rica fonte de sais minerais, potássio, fósforo, magnésio, sódio, enxofre, ferro e cálcio. Além de ser rico em vitaminas A, do complexo B, e C. Para completar, ele ajuda muito sua digestão.
  • suco de limão é um ótimo facilitador de liberação das toxinas do organismo. Seu alto teor cítrico faz com que ele tenha uma função de “detergente” em nosso estômago.
  • suco de maçã é famoso no mundo feminino, pois ele possui um poder de rejuvenescimento, além de ser fonte de pectina, ajudando a remover as toxinas do organismo.

Sempre opte pelo natural, feito da própria fruta. Em seguida o em polpa (que nada mais é do que o conteúdo da fruta, embalado e congelado). Os sucos concentrados também podem ser consumidos de vez em quando, principalmente naqueles dias de correria, em que realmente você não tem tempo para preparar o suco de fruta.

Verifique os ingredientes nas embalagens: existem marcas que possuem uma quantidade de aditivos bem menor do que outras.

É importante que os sucos sejam tomados imediatamente após o seu preparo para não haja perda de nutrientes e vitaminas.

Apesar dos sucos de frutas conter vitaminas, sais minerais e enzimas, deve-se ter cautela na quantidade, tomar no máximo um copo por dia.

Sucos de Fruta e o Emagrecimento

Deve-se ter cuidado com o açúcar naturalmente contido nas frutas, a frutose. A frutose é rapidamente metabolizada na forma de gordura, bem mais rápido e direto do que glicose, muitas vezes promovendo o armazenamento de gordura, particularmente na região abdominal.

Tomar sucos de frutas pela manhã, tido por muitos como um hábito saudável, pode aumentar os riscos de diabetes do tipo II, devido à maior quantidade de açúcar. Afinal de contas, o suco normalmente contém muito mais frutas do que se consumíssemos essas frutas em estado bruto (é muito fácil, por exemplo, um suco conter 6 laranjas; e muito difícil comer essas mesmas 6 laranjas em estado natural)

Além disso, ao fazermos um suco, separamos a fruta (fibras) de seus fluidos. Isso faz com que esse açúcar seja absorvido muito mais rapidamente, aumentando os níveis de açúcar e insulina no sangue. Então para pessoas diabéticas ou acima do peso, evite consumir sucos de fruta diariamente.

Então, sucos — apesar de serem uma opção muitas vezes saudável — devem ser considerados com muita cautela principalmente para quem quer queimar gordura ou diabéticos.

Fonte: Beleza e Saúde

O que comer e o que evitar para ter um coração mais saudável.

São tantos estudos dizendo o que faz bem ou não faz ao coração que é normal ficar confuso com as informações. Pensando nisso, pesquisadores do Colégio Americano de Cardiologia decidiram fazer uma meta-análise das pesquisas já existentes sobre os prós e contras de alguns alimentos na prevenção de doenças cardiovasculares.

Alimentos adicionar à dieta

Além de ajudarem no emagrecimento, leguminosas como feijão, grão-de-bico, lentilha, ervilha, soja, e amendoim diminuem os níveis de colesterol e reduz os riscos de doença do coração e hipertensão. “Legumes são acessíveis e uma rica fonte de proteína”, diz Freeman.
Mas a verdadeira boa notícia é que o café foi associado a um risco reduzido de morte por qualquer causa, bem como a morte por doença cardíaca. Não foram encontradas ligações entre o consumo da bebida e o risco de pressão alta.
Alguns estudos sugeriram que o chá preto e o verde, quando consumidos sem adição de laticínios, açúcar ou adoçantes, também podem contribuir para um coração saudável.
Segundo Freeman, apesar de não existir um padrão alimentar perfeito para prevenir doenças cardíacas, a maioria das evidências reforçam a ideia de que uma dieta predominantemente baseada em vegetais, com menos gordura, açúcares adicionados, sal, alimentos processados ​​e produtos de origem animal limitados beneficia a saúde do coração.

Alimentos que é melhor evitar

Embora alguns estudos sugerissem que laticínios com baixo teor de gordura podem reduzir a pressão arterial, os pesquisadores descobriram que esses alimentos também podem elevar os níveis de colesterol “ruim”, fraturas e risco de morte por qualquer causa. A explicação seria porque os laticínios são ricos em gorduras saturadas e, no caso de alguns queijos, em sal. Por esse motivo, o ideal seria consumir esses alimentos com cautela.

Fonte: Portal UOL

Apesar de calórico, abacate ajuda a regular o colesterol.

No Brasil há mais de cem tipos de abacates, o que garante uma alta produção da fruta o ano todo. Porém, a fama de que seja engordativa faz com que não seja um sucesso de público por aqui. Isso sem contar que muitos acham que sua “gordura” pode fazer mal ao coração. Mas o abacate está longe de ser um vilão.

“O abacate possui gorduras benéficas. Se consumido de forma correta, ajuda a regular os níveis de colesterol, diminuindo o LDL, o chamado colesterol ruim”, afirma a nutricionista Daísa Pinhal da Oba Hortifruti.

O nutrólogo Carlos Alberto Werutsky, da Abran (Associação Brasileira de Nutrólogos), alerta: quem faz controle de peso precisa reduzir a ingestão de calorias. Dentro dessa proposta, o abacate pode ser um vilão, pois seu teor de gordura é alto.

“Já quem não tem restrição pode consumir a fruta diariamente, pois sua gordura é insaturada, aquela que faz bem”, conta o médico. Ele explica que o abacate tem por volta de 9 calorias/grama e que se pode consumir um pequeno ou meio por dia, desde que haja restrição de outros alimentos calóricos.

Alguns nutricionistas defendem que é melhor comer o abacate à noite, para se obter mais benefícios. Os especialistas ouvidos pelo UOL, porém, dizem que o horário da ingestão não faz diferença.

Qualidades

A nutricionista acredita que consumir um quarto da fruta por dia é suficiente para se obter os benefícios: “O abacate é rico em fibras alimentares e fonte de ácido fólico e vitamina C. Também possui carotenoides, ubstâncias antioxidantes benéficas à saúde, e gorduras insaturadas”.

Apesar de a banana levar a fama, o abacate possui um teor de potássio bem maior. Porém, a nutricionista frisa que pessoas com problemas renais devem evitar alimentos ricos deste macromineral.

Prisão de ventre, flatulências, perturbações digestivas, gota reumatismo, afecções dos rins, da pele, do fígado. Tudo isso pode ser evitado ao se consumir abacate, explica o  farmacêutico Rafael Martins Xavier.

Ele conta que as cascas da fruta são vermífugas, sendo também úteis para o tratamento de hemorragias e disenterias. Já o chá de folhas da fruta é um excelente diurético.

“Considerado uma rica fonte de folato, vitamina A e potássio, o abacate tem mais proteína que qualquer outra fruta, cerca de 2 g para cada porção de 110 g. Possui, ainda, quantidades úteis de ferro, magnésio e vitaminas C, E e B6”.

Fonte: Notícias UOL

Quem prefere vinho vive mais

Estudos apontam que o consumo moderado traz benefícios à saúde.

Um estudo publicado na revista Food and Function resolveu analisar as variáveis que sempre são questionadas quando se vincula o consumo de vinho e seus benefícios à saúde. Depois de analisar padrões de consumo, eles chegaram a algumas conclusões importantes. A principal delas é que o consumo moderado, juntamente com as refeições, maximiza os benefícios.

Segundo os autores, liderados por Mladen Boban, da Universidade de Split, na Croácia, o abuso de álcool é a terceira maior causa de morte na Europa, mas a moderação mostrou que é capaz de diminuir as taxas de mortalidade. Analisando estudos anteriores, eles avaliaram sete padrões de consumo – “moderado”, “espalhado durante a semana”, “pouco consumo de destilados”, “preferência por vinho”, “vinho consumido às refeições” e “evitar o consumo excessivo”.

Eles concluíram que os que preferem vinho têm uma taxa de mortalidade menor em relação a quem prefere cerveja ou destilado. Eles também verificaram os efeitos cardioprotetores do vinho quando consumido com comida – apesar de pessoas que já possuem hábitos de alimentação saudáveis terem poucos benefícios se unirem o consumo de álcool à dieta. E, quando isso ocorre, costuma ser pelo vinho.

Fonte: Revista Adega

Benefícios do salmão para a saúde

Rico em ferro, potássio, sódio, cálcio, magnésio, ômega 3 e vitaminas A, B6, B12, C e D, o salmão proporciona inúmeros benefícios para a saúde. Conheça algumas das suas ações em nosso organismo:

* Tem ação anti-inflamatória e protege contra as doenças do coração: Fonte de Ômega 3 e ácidos graxos, o salmão ajuda na redução do colesterol ruim,que provoca entupimento de artérias, retenção de líquidos, acúmulo de gordura e flacidez. Ele também ajuda a aumentar o nível do colesterol bom. A calcitonina também possui ação anti-inflamatória nas articulações.

* Faz bem para o humor e evita o envelhecimento precoce: O ômega 3 melhora o funcionamento da membrana dos neurônios e dos impulsos nervosos. As vitaminas do complexo B atuam no metabolismo destas células, e o selênio e o magnésio minimizam as chances de morte neuronal. O aminoácido triptofano estimula a formação de serotonina que é diretamente relacionada ao humor. O selênio, que tem função parecida com a vitamina E, é um antioxidante que impede a formação de radicais livres e previne o envelhecimento precoce.

* Combate diversos tipos de câncer: Estudos recentes mostraram que a Vitamina D, presente no peixe, é uma ótima aliada na prevenção do câncer de mama, próstata e câncer retal.

* Ajuda na visão: A vitamina A também presente no salmão é uma importante aliada na saúde dos olhos. O consumo dessa vitamina pode evitar alguns transtornos como o olho seco e degeneração macular.

Fonte: Revista Máxima

Benefícios do Polvo para a Saúde

O polvo, como a maioria dos frutos do mar, é um alimento rico em ômega 3, que é muito importante para o funcionamento do sistema cardiovascular. Ele evita que se formem placas de gordura nas artérias, além de ajudar a prevenir hipertensão, derrames e até infartos.

Por conter poucas calorias, o polvo é considerada uma carne magra e muito nutritiva. Ele tem poucas gorduras, ajuda a diminuir os níveis de colesterol ruim e também os níveis de triglicerídios no organismo.

O polvo também possui benefícios para você que ama praticar esportes e exercícios físicos. Uma das características desse fruto do mar é conter muitos aminoácidos, que possuem uma importante função para o corpo: regenerar as células e os músculos, o que é essencial para quem se exercita.

E aí, vai dar uma chance para essa carne? Você pode experimentá-la em diversas pratos como na receita de camarão e polvo ao leite de coco. Agora, se você tem muita dificuldade de cozinhar essa carne ou se você nunca tentou, pode relaxar que nós damos os truques para acertar o ponto de cozimento do polvo!

Fonte: Blog Tudo Gostoso

Cidade feita de gelatina

Gelatina é um dos alimentos mais conhecidos ao redor do mundo. O que poucas pessoas sabem, é que ela pode ser transformada em incríveis esculturas nunca antes vistas.

A artista norte-americana Liz Hickok, construiu uma cidade em miniatura feita inteiramente com gelatina colorida. O projeto intitulado “Hickok’s Cityscapes in Jell-O”, é uma recriação dos principais pontos turísticos dos EUA.

Infelizmente, as esculturas criadas por Hickok duram pouco tempo. O calor e a umidade acabam por dissolver a gelatina e destruir por completo toda a cidade.

Confira a galeria de fotos!

As propriedades e benefícios do Aspargo

O aspargo pertence à família das Lulliaccae e é um alimento muito nutritivo que contém vitaminas do complexo B (o ácido fólico), Betacaroteno (provitamina A), além de diversos minerais, como o cálcio, o ferro e o fósforo. O aspargo é ainda uma excelente fonte de glutationa, que é um antioxidante que possui uma forte atividade anticancerígena.

Composição
Como você já deve ter observado, o aspargo é um alimento rico em nutrientes, pois contém em sua composição diversas vitaminas, fibras, e sais minerais. Além disso é pouco calórico, o que o torna um dos destaques nas dietas. O aspargo é rico em ácido fólico, betacaroteno, magnésio, manganês, fósforo, fibras e vitamina C, B e K.

Benefícios
Entre os principais benefícios do aspargo, podemos citar:

Anti-inflamatório, além de possuir um sabor delicioso, o aspargo contém nutrientes anti-inflamatórios, como saponinas e os flavonoides quercetina, rutina, laempferol e isoramnetina. Esses nutrientes ajudam a combater a artrite, asma e algumas doenças autoimunes.
Antioxidante, por possuir glutationa, o aspargo contém três aminoácidos, o ácido glumatic, glicina e cisteína. Quando esses aminoácidos são combinados em uma molécula esta serve como um agente de oxidação-redução muito poderoso para o nosso corpo. Junto com outros oxidantes o aspargo age contra os radicais livres que causam o envelhecimento e a oxidação celular.
Previne contra o câncer, por ser antioxidante e anti-inflamatório, o aspargo é muito indicado contra o câncer na bexiga, mama, cólon, pulmão, próstata, ovário e outros tipos de câncer.
Para o coração, por possuir uma vitamina do complexo B em sua composição, o aspargo traz benefícios ao coração, evitando doenças cardíacas.
Diurético, o aminoácido asparagina, encontrado nos aspargos é um ótimo diurético e tem sido muito usado para tratar inchaços, artrite, reumatismo e retenção de água causada pela TPM.
Para digestão e dieta, a inulina, um carboidrato que está presente nos aspargos, incentiva o crescimento de bifidobactérias e lactobacilos, essas bactérias aumentam a absorção dos nutrientes e diminui o risco de alergia e câncer de cólon. A fibra do aspargo estabiliza a digestão e previne a constipação, além disso é um alimento de baixa caloria.
Para os ossos, por ser rico em vitamina K, uma proteína que fortalece a composição dos ossos. O aspargo impede o acúmulo de cálcio no tecido, evitando a aterosclerose, doenças cardiovasculares e acidente vascular cerebral.
Sistema imunológico e visão, por possuir vitamina C, além de ser antioxidante, o aspargo atua no sistema imunológico, mantendo-o saudável e previne doenças oculares relacionadas à idade, como a catarata e a degeneração macular.

Benefícios do Cogumelo Shitake

Utilizado na medicina chinesa há mais de seis mil anos, o cogumelo shitake até pouco tempo era pouco conhecido dos brasileiros, mas hoje em dia é encontrado com relativa facilidade e pode ser considerado um excelente alimento para fazer parte de nossa alimentação diária. Mas para que serve o Shitake?

Além de ser um alimento de poucas calorias e rico em fibras, ainda há uma grande variedade de benefícios do cogumelo shitake para a saúde, que vão desde a perda de peso até o combate ao câncer.

Para quem já conhecia, mas ainda não sabia das propriedades do cogumelo shitake, nós listamos abaixo alguns benefícios do mesmo:

  • O cogumelo Shitake é rico em vitaminas, minerais e antioxidantes que contribuem não somente para manter a saúde como também para combater doenças;
  • É rico em selênio (mineral que contribui para a saúde dos vasos sanguíneos e ajuda a controlar o funcionamento dos hormônios da tireoide);
  • Possui Vitamina B2 – também conhecida como riboflavina, atua na produção de energia para o organismo. Cinco cogumelos por dia fornecem 16% da necessidade diária de vitamina B2;
  • Contém Niacina, ou vitamina B3, que, assim como a riboflavina, também atua na produção de energia;
  • É uma ótima fonte de Vitamina B9 (ácido fólico), nutriente essencial para gestantes;
  • Tem uma boa concentração de vitamina D (somente os cogumelos desidratados que foram expostos ao sol para secagem);
  • 75 g de shitake fornecem 70% das necessidades de cobre e 50% da ingestão diária recomendada de vitamina B5.
  • O shitake contém ainda uma boa concentração de zinco, manganês e cálcio.Fonte: Portal R7 – Mundo Boa Forma